publicidade

Sem reajuste há sete anos, centenas de servidores públicos devem ir às ruas nesta quinta-feira na cidade de Patos


O Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região (SINFEMP) está convocando os servidores do Município de Patos para manifestação nesta quinta-feira, dia 18, às 08h00, tendo concentração na sede da entidade na Rua 18 do Forte, centro.

Os líderes sindicais cobram um posicionamento por parte do prefeito de Patos, Nabor Wanderley (Republicanos. Nabor recebeu a comissão dos servidores no dia 23 de março de 2022 e teve uma lista de reivindicações entregue em mãos. O prefeito ficou para  dar uma resposta, porém, até este mês de agosto, nada foi apresentado.

Os servidores e servidoras do Município de Patos estão há mais de sete anos sem reajuste salarial. Entre as principais reivindicações está o reajuste de 35% nos vencimentos, condições dignas de trabalho, pagamento do terço de férias e cumprimento da lei que garante as progressões horizontais e verticais, além de convocação de classificados do último concurso público. 

Carminha Soares e José Gonçalves, presidente e vice-presidente do SINFEMP, respectivamente, relataram que o Município de João Pessoa, por exemplo, concedeu 33% de reajuste a todos os servidores e servidoras. O percentual faz justiça diante de vários anos com os vencimentos congelados e sem repor a inflação do período que corroeu o salário.

Os dirigentes sindicais relataram que a disposição dos servidores é de greve caso não se tenha posição por parte do prefeito de Patos.



Polêmica Patos

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.