publicidade

No dia da infância, Germana Wanderley alerta para a necessidade de criação e manutenção de políticas públicas voltadas às crianças do Sertão


Nesta quarta-feira (24) é celebrado o dia da infância, a fase mais querida e lembrada, por todo o resto da vida. A infância é a fase da inocência, onde tudo não passa de brincadeira e a maior obrigação era deixar o quarto arrumado e fazer os deveres da escola. No entanto, para muitas crianças pelo Brasil e o mundo é diferente por sofrerem as mazelas da pobreza, da falta de dinheiro que as leva a largar a escola e trabalhar ainda muito pequenas, em condições desumanas, fazendo com que a bela e importante fase da inocência acaba cedo demais.

Para a candidata a deputada estadual Germana Wanderley, é dever do estado e do município garantir dignidade às crianças e adolescentes. E, por isso, todos devem estar imbuídos nessa corresponsabilidade: governantes, parlamentares, gestores, lideranças, entre outros setores da sociedade organizada.

“Essa data destaca a importância da necessidade de os governos, nas esferas municipal e estadual, darem condições para as crianças se divertirem nessa que é a melhor fase da vida. Isso deve acontecer através da criação e manutenção de políticas públicas voltadas ao desenvolvimento dessa faixa etária. É preciso também fomentar a instalação de espaços adequados para a diversão e prática de hábitos saudáveis para essa geração, como pistas de skate, praças adequadas, parquinhos pela cidade, a criação de um parque municipal, criação de mais creches e a estruturação adequada delas pela cidade”, enfatizou a candidata.

Na noite desta quarta, Germana caminhará com a população do bairro Noé Trajano, na zona norte de Patos, no arrastão ‘Bora com Germana 77.123 de Cabeça e Coração’. O ponto de partida será uma pista de skate, onde muitos jovens e crianças se divertem através da prática esportiva. Contudo, por lá, as problemáticas são incontáveis, a começar da estrutura precária em que se encontra o espaço, levando os skatistas e usuários do espaço a lamentar a situação.


Assessoria 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.