publicidade

Após o episódio de denúncia de “rachadinha”, Fundação Cultural de Patos – FUNDAP poderá ser extinta



A FUNDAP poderá ser extinta. Após o episódio de denúncia de “rachadinha”, cujo áudio vazado nas redes sociais, traz a conversa de dois prestadores de serviço do município sobre um pagamento que seria creditado na conta de um deles e que após sacar R$ 500,00 do valor, o restante deveria ser repassado ao presidente da FUNDAP”, culminou com a entrega do cargo e em seguida a exoneração, no dia de ontem (10), do presidente, Marcelo Lima.

Em ato continuo, foi nomeado de forma interina, até que tudo seja esclarecido, o secretário de esportes e turismo, José Francisco de Sousa (Zeca), conforme publicação em Diário Oficial. Porém, pelo desgaste político do episódio, o prefeito de Patos, Nabor Wanderley da Nóbrega Filho (Republicanos), resolveu extinguir a Fundação Cultural de Patos (FUNDAP).

A informação foi divulgada, hoje (11), pelo jornalista Misael Nóbrega, durante o programa Notícias da Manhã, da rádio Espinharas FM, 97.9.

Segundo Misael, que conversou com uma pessoa do primeiro escalão do governo municipal, que não pediu reserva, Nabor já solicitou a confecção do projeto de extinção, que começou a ser elaborado, de forma urgente, na noite de ontem (10), por uma equipe técnica de sua gestão e que em breve o município estará anunciando, oficialmente, a decisão.

A FUNDAP – Tem por função cuidar da política municipal de cultura que inclui a realização de eventos, bem como, buscar o desenvolvimento de projetos e parceria em visão da divulgação do município. E, por competência – Incentivar a realização de atividades culturais, folclóricas e eventos relacionados ao turismo, além de buscar parcerias e projetos, dentre outras atribuições.
 
 
 

Fonte – De olho no Sertão com Jornal Notícias da Manhã

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.