publicidade

Defendido por Lula e Dilma, Ricardo volta ao PT com base na tese da ‘reciprocidade’



O retorno do ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, ao Partido dos Trabalhadores (PT), foi prestigiado pela alta cúpula do partido. Os ex-presidentes Lula e Dilma, além da presidente nacional da legenda, Gleisi Hoffmann, participaram da transmissão pela internet que sacramentou a volta.

“Vocês nunca deixaram de estar no PT. Trazer você de volta para o PT é como se o Corinthians tivesse trazido Rivelino ou Sócrates de volta”, comparou o ex-presidente Lula.

O reingresso no partido, contudo, tem provocado o descontentamento de uma parte da legenda –  e de membros importantes, como os deputados Anísio Maia e Frei Anastácio.

Hoje, também, o partido perdeu um de seus militantes históricos. Joaci Júnior entregou uma carta de desfiliação à direção, alegando “falta de democracia interna”.

Ricardo volta ao PT bombardeado de denúncias apresentadas pela Operação Calvário e enfrentando uma batalha no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para tentar estar elegível ano que vem.

Quer ser candidato ao Senado, mas terá que resolver as pendências junto à Justiça Eleitoral e amenizar o desgaste em sua imagem na Calvário.  É, porém, ainda assim, um nome a ser considerado no tabuleiro político estadual.

Com ele também devem ingressar no PT a ex-prefeita do Conde, Márcia Lucena; as deputadas Estela Bezerra e Cida Ramos, além do deputado Jeová Campos.

Ainda sobre Ricardo, o retorno dele à legenda tem por base a tese de ‘reciprocidade’ defendida pela executiva nacional. É que quando Lula foi preso pela Lava Jato, anos atrás, poucas lideranças políticas do país se mantiveram ao lado do ex-presidente como esteve o, à época, governador paraibano.

Agora, Lula e o PT decidiram fazer o mesmo. Já na filiação avisaram que defenderão Coutinho.

Os limites dessa defesa e os frutos recebidos pelo partido com o retorno do ex-governador, contudo, só serão vistos daqui em diante…

 

Por: João Paulo Medeiros jornaldaparaiba.com.br/Pleno Poder

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.