publicidade

Bomba: Romero Rodrigues desiste de ser candidato ao governo em 2022 e está muito próximo de fechar aliança com João Azevedo



Reviravolta na política paraibana. Na reunião, em Brasília, com membros do PSD, do ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues e a turma do PSDB paraibano, liderado pelos Cunhas Lima, saiu o desfecho. O que muitos comentavam nos bastidores agora foi oficializado, Romero Rodrigues, ex-gestor da Rainha da Borborema, desiste da sua pré-candidatura ao governo do estado em 2022 e abre, não só uma janela, mas uma porta imensa para um possível alinhamento com o governador João Azevedo. A preço de hoje, Romero Rodrigues é cotado para ser o vice-governador na chapa do atual gestor do estado da Paraíba, João Azevedo (Cidadania).

 

A pergunta que não quer calar é como ficará o grupo Cunha Lima, liderado pelo ex-senador Cássio Cunha Lima, bem como os deputados federais, Ruy Carneiro e Pedro Cunha Lima. Como ficará a própria deputada federal Edna Henrique, e todos esses membros, agora sem uma figura importante que estavam apoiando, no caso Romero.

 

É de se perguntar como ficarão as pessoas de Tovar Correia Lima, Camila Toscano e o próprio Bruno Cunha Lima, atual prefeito de Campina Grande. Fica o questionamento se esses membros políticos irão migrar para o outro grupo ou irão ‘fincar o pé’ na oposição. Se irão conversar com Veneziano ou não, conversar com Ricardo ou não, com o partido do PT, com Cartaxo ou não, enfim, essas questões ficarão, por ora, pendentes. Realmente, dificultou ainda mais a questão da organização das oposições na Paraíba, e com isso, o governador João Azevedo, ganha a cada dia mais força nessa corrida para o pleito de 2022, a preço de hoje.

 

Blog do Jordan Bezerra

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.