publicidade

SIMED PB bate forte e mostra nomes dos Deputados que votaram contra o abono adicional de insalubridade


O Sindicato dos Médicos da Paraíba SIMED PB, mostrou insatisfação com os deputados estaduais, que se posicionaram contra ou não comparecem para votar, no O Projeto de Lei que dispõe sobre o pagamento do adicional de insalubridade um percentual de 40% aos profissionais de saúde que trabalham em instituições de saúde do estado durante o período de pandemia. Para o SIMED, após a provação e veto do governador, os representantes da população iam derrubar o veto do gestor estadual e conceder o pagamento do adicional. Porém como não aconteceu o Sindicato criticou a atuação desses parlamentares.

Os deputados patenses compõe a lista dos que não derrubaram o veto. Nabor Wanderley (Republicanos), votou contra o pagamento da insalubridade. Já o Deputado Érico Djan (Cidadania), não compareceu no dia da votação do veto.

Confira a Nota do SIMED PB

Os profissionais de saúde que estão na linha de frente do combate ao coronavírus são chamados de heróis pela população. Continuam recebendo muitos gestos de carinho, no mundo inteiro. Mas, mesmo arriscando a própria vida e correndo alto risco de contágio, para o Governo do Estado da Paraíba, esses profissionais não merecem mais do que 40 reais por mês de gratificação por insalubridade.

O Projeto de Lei que dispõe sobre o pagamento do adicional de insalubridade um percentual de 40% aos profissionais de saúde que trabalham em instituições de saúde do estado durante o período de pandemia foi aprovado na Assembleia Legislativa por 30 votos a favor e apenas um contra, mas acabou vetado pelo governador João Azevêdo.  Para o Sindicato dos Médicos da Paraíba, os deputados derrubariam o veto, mas, infelizmente, não foi o que aconteceu. Na última quarta-feira (15/07), 17 deputados votaram não à rejeição do veto e apenas 10 votaram pela derrubada, a favor dos profissionais da saúde.
O SIMED-PB agradece a todos os deputados que entenderam a necessidade de valorização dos profissionais de saúde que trabalham na luta contra o coronavírus e lamenta a posição dos que mudaram de opinião, mesmo votando a favor do projeto num primeiro momento. 


Deputados que disseram NÃO aos profissionais de saúde:

@adrianogaldino1 , @anisiomaiapt , @depbrancomendes , @eusouchio ,  @dodadetiaopb  @tacianodiniz , @drapaulaoficial , @felipeleitaopb ,  @dep_inaciofalcao ,  @jutaymeneses  @lindolfopiresneto ,  @naborwanderley ,  @pollyanadutraoficial , @ricardobarbosapb , @tiao_gomes_oficial  , @wilsonsantiagofilho e Genival Matias (in memorim)

Deputados que disseram SIM aos profissionais de saúde:

@virgulino_lampiao (autor do PL) , @andersonmonteirocosta , @cabogilbertosilva , @depcamilatoscano , @eduardocarneiropb , @galegosou  ,  @depjoaohenrique , @moacirrodriguespb , @ranierypaulino , @tovarcorreialima





Sertão Político/ SIMED

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.