publicidade

Prefeito interino Bonifácio Rocha recebe Ministro da Saúde durante visita oficial a Patos

O prefeito interino de Patos, Bonifácio Rocha, recepcionou nesta segunda-feira, 25/3, o ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta, que veio à cidade participar da solenidade de assinatura da portaria que transforma o Hospital do Bem em oncologia/UNACOM, cujos investimentos têm foco na humanização do tratamento do paciente com câncer e na habilitação de novos procedimentos de média e alta complexidade.

A chegada do ministro, em Patos, aconteceu por volta das 17h20min, no aeroporto brigadeiro Firmino Aires, onde foi recepcionado pelo prefeito interino Bonifácio Rocha; deputados federais: Hugo Mota (PRB), Wilson Santiago (PTB) e Efraim filho (DEM); pela secretária de estado da saúde, Cláudia Veras; ainda, pelos deputados estaduais: Nabor Wanderley (PRB) e Érico Djan (PPS); além de vereadores, prefeitos e várias outras lideranças políticas de Patos e região.

Logo em seguida, a comitiva se dirigiu ao Complexo Hospitalar Regional Dep. Janduhy Carneiro e Hospital do Bem, onde foi feita uma visita às instalações do equipamento e aconteceu a solenidade de assinatura de uma portaria de habilitação em Oncologia/UNACOM, que garante investimentos de R$ 5 milhões 740 mil 848 reais, para o custeio dos serviços daquela unidade hospitalar.

De acordo com o prefeito Bonifácio Rocha, que na oportunidade entregou ministro um documento, em nome do povo de Patos, solicitando que o Hospital do Bem deixe de ser uma Unidade de Assistência de Alta Complexidade (UNACOM) para se tornar um Centro de Assistência de Alta Complexidade (CACOM), o investimento é de fundamental importância para garantir uma melhor assistência aos pacientes portadores de câncer no sertão do estado.
 
“A gente está requerendo para que a unidade se transforme em centro de oncologia, fizemos esse pleito em mãos ao ministro e esperamos que haja progresso para que possamos dar uma melhor assistência a Patos e todo o sertão”, afirmou o prefeito de Patos.

Para o secretário de saúde, Davi Nunes, o apoio do Ministério da Saúde ao Hospital do Bem representa um passo importante para a manutenção da qualidade dos serviços à população.

“A portaria assinada hoje consolida os serviços do Hospital do Bem, que até agora vinha sendo mantido pelo Governo do Estado. Os tratamentos em oncologia são muito caros, a por isso esse aporte do Ministério da Saúde é fundamental para a manutenção da qualidade dos serviços”, afirmou o secretário de saúde Davi Nunes.

O ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta, em seu pronunciamento, enfatizou a importância daquela unidade hospitalar para o sertão do estado, que soma uma população de quase 1 milhão de habitantes e disse ser àquela a primeira unidade de enfrentamento fora da zona da mata.

“Nós estamos abrindo oficialmente o financiamento do Hospital do Bem em Patos, que com certeza vai ser um hospital que vai
ampliar os serviços. É a nossa primeira unidade de enfrentamento ao câncer fora da zona da mata, e vai ser um hospital que com certeza vai fazer o enfrentamento da doença em Patos e todo o semiárido paraibano”, enfatizou o ministro da saúde Luiz Henrique Mandetta.  

Segundo a programação repassada pela assessoria do ministro, logo após a solenidade, em Patos, Luiz Henrique Mandetta retorna para Campina Grande de onde embarca para Brasilia, com previsão de chegada à capital Federal, por volta das 21h.


Coordecom-Patos

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.