Header Ads

Prefeitura de Patos começa a retirada de árvores dos Rios Da Cruz e Espinharas

A Prefeitura Municipal de Patos (PB), através da Secretaria de Infraestrutura, Serviços Públicos e Meio Ambiente, iniciou nesta segunda-feira (17), a retirada de árvores do leito dos Rios Da Cruz e Espinharas.

Nesta primeira etapa, os trabalhos começaram no Rio da Cruz, sob a Ponte Figueiredo, e se estenderá até o Rio Espinharas, na Rua da Baixa. A Segunda etapa, segue até o Ginásio de Esportes o Rivaldão, e a terceira etapa até a BR-230.

“Eu acredito que vai ser em torno de dois meses, no mínimo, para concluirmos esse trabalho porque a gente não sabe o que vai encontrar durante o trecho aqui. A gente já começou com rochas, esgotos, então dificulta um pouco o trabalho até se pensar em trazer o maquinário”, disse Augusto Camboim, secretário de Infraestrutura.

A equipe da Secretaria de Serviços Públicos está com a missão de retirar as árvores cortadas e levá-las para um local apropriado, contou o secretário Marcelo Totó.

“O serviço da gente vai ser ajudar o pessoal a recolher as plantas e levar para um local apropriado pra elas não ficarem na lateral do rio”, comentou Totó.

O Pastor John Philip Medcraft, representante da sociedade civil organizada, comemorou a inciativa.

“Finalmente chega o dia histórico de pelo menos começar. É um trabalho pelo lapso de tempo para atacar esse problema aqui no rio que vai levar. Mas, eu estou feliz porque até que enfim, começou esse trabalho”, destacou o Pastor John.

O prefeito Bonifácio Rocha (PPS), disse que a limpeza dos rios era uma das principais preocupações da sua gestão.

“Quando a gente iniciou a gestão, além de muitas outras preocupações e situações difíceis, essa foi uma das mais que me preocupou, essa questão do rio locupletado por árvores obstruindo a passagem da água, que foi empurrado ‘pela barriga’ por muitos anos, talvez apelando para a sorte, aproveitando os anos de estiagem, mas a natureza de uma hora para outra, pode resolver que chova, e se chover esse rio botar numa quantidade razoável, é uma catástrofe na cidade de Patos”, falou Bonifácio.

O vereador Capitão Hugo, conta que essa ação teve início em 2014 pelo organização SOS 3 Rios Patos – PB e representantes do Setor de Geoprocessamento (SETGEO), o Setor da Divisão de Floresta (DIFLOR) e a Superintendência e Administração de Meio Ambiente (SUDEMA), o qual foi apresentado a nova delimitação da calha do Rio Espinharas.


“Hoje nós estamos iniciando um trabalho da supressão das algarobas do leito do rio, que é para limparmos todo o leito para que quando vierem as chuvas, às águas correrem sem nenhum obstáculo, e o trabalho continua que ainda iremos iniciar um projeto das APPs, que são as áreas de preservação permanente que ficam às margens do rio. É um trabalho longo, mas o mais importante é que começamos”, contou o vereador Capitão Hugo.

Também acompanharam este primeiro dia de atividades de limpeza dos rios, os vereadores Ferrér Maxixe, Diogo Medeiros, Paulinho Lacerda, Cambirota, e o deputado estadual eleito, Érico Djan.


Coordecom-Patos

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.